Monday, May 07, 2007

SALÃO HOLLYWOOD
Seu Baltazar era cliente de Edileuza, uma manicure do Hollywood, o único salão de beleza daquela pequena cidade do sertão. As mulheres que lá iam fazer escova, luzes, mudar o penteado ou fazer as unhas, já não estranhavam a presença de um senhor em um ambiente tão feminino. Tampouco desconfiavam da sua masculinidade. Muito pelo contrário, observavam-no com interesse e algumas tinham até fantasias sexuais.
Toda sexta-feira era assim. Seu Baltazar passava cerca de uma hora no salão e saía de lá com as mãos impecáveis: esmalte incolor, pele hidratada, cutículas retiradas. De lá, ia direto ao sarau dos surdos-mudos, onde recitava seus poemas com as mãos.

No comments: